domingo, 3 de outubro de 2010

Empata sonhos

Ontem estava animado por a minha família ir hoje passear e eu ficar por um dia sozinho com a casa só para mim, sem stresses e complicações. Só que me esqueci que existe um ritual típico nestes eventos.

6:20h
Sou abruptamente acordado pelo burburinho que se instala e que depressa se tranfsorma em chinfrim de Mercado Municipal, em parte devido à minha mãe iniciar as suas duas modalidades vocais típicas: ALTO e MUITO ALTO.

6:40h
Os meus pais discutem sobre o que levar na viagem em frente à porta do meu quarto.

7:00h
Ao chinfrim instalado junta-se o TOC TOC TOC constante e irritante provocado pelos saltos das botas que a minha mãe decidiu calçar.

7:10h
A minha mãe entra no quarto, diz-me que vão partir, pergunta-me como foi a minha viagem de ontem a Lisboa e avisa-me que, ao contrário do que lhe tinha pedido, me fez toneladas de comida.

7:15h
O meu pai entra no quarto e repete-me exactamente o que a minha mãe me disse antes.

7:20h
O meu pai grita do quintal que começou a chover.

7:30h
O meu tio, como é hábito, deixa a porta da rua aberta e o cão, como é hábito, sai por ela.

7:31h
Começa a discussão.

7:40h
O cão lá reaparece e finalmente decidem partir.

7:43h
Faz-se silêncio. Esboço um sorriso de alívio e aconchego-me na cama para dormir.

7:45h
Perco o sono. Já nada me vai fazer dormir agora.


Estava mesmo muito animado por ficar por um dia com a casa só para mim. Estava, a sério que estava.

6 comentários:

Mariparva disse...

tal e qual.

Metacrítico disse...

Mariparva, acho estas situações tão caricatas que fico de certa forma feliz por saber que não sou o único! :)

patrícia disse...

Agora que falas nisso, hoje era o dia perfeito para ficar com a casa so para mim! Ja viram o tempo que faz la fora? O ideal para passar a tarde sentada perto do janelao da sala, a ler ou a ouvir musica, etc. Um bom Domingo.

Metacrítico disse...

patrícia, de facto o tempo hoje está muito mais convidativo para uma tarde calma em casa, sim. :)

pedro b disse...

acho que a tua mãe e a minha iam entender-se às mil maravilhas:)

ou então somos irmãos!...

Metacrítico disse...

pedro b, lol nunca se sabe! =P