segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

In Treatment

É para mim sem dúvida uma das melhores séries de sempre, correndo o risco de ser injusto. E finalmente ontem durante a noite terminei de ver a sua terceira e última temporada. Apesar de ter a série em tamanha consideração, hesitei um pouco em retomá-la, pois as duas temporadas anteriores deixaram-me de rastos de cada vez que as vi. Talvez por me embrenhar demasiado naquelas histórias de vida convincentemente representadas, ou mais provavelmente por me identificar com uma ou mais personagens e acabar, por causa disso, a pensar seriamente na minha própria vidinha. E não é fácil confrontar-nos com quem realmente somos. Mas lá me decidi a encarar de novo o monstro de frente, e depois de um fim-de-semana de 28 episódios de cerca de 25 minutos, dirigi-me então para a cama ontem à noite, mais uma vez de rastos.

E pronto, esta está arrumada. E agora acho que vou seguir aqui a ideia abaixo e vou apanhar ar.


7 comentários:

Elsa TR disse...

Pronto, agora vou ter de ir averiguar... bem preciso de uma boa série.

Erre disse...

:) Aconselho vivamente. Depois diz-me se gostaste.

Elsa TR disse...

Amanhã vou começar a tratar disso :) Logo direi.

Elsa TR disse...

Finalmente comecei. 2 fins de semana a fazer noite, tenho tempo de sobra para ir vendo :)

Erre disse...

Não é uma série fácil, mas está no meu entender muito bem construída e consegue meter-nos, sem darmos por isso, a pensar em nós mesmos. Espero que gostes. ;)

Elsa TR disse...

Ai damos por isso damos...

Erre disse...

;)