quarta-feira, 9 de novembro de 2011

A pergunta que se impõe - Reloaded!

Já era mais do que tempo para voltar a este assunto crucial para o funcionamento da nossa sociedade. Há uns tempos atrás abordei a questão de quem seria a dona e senhora do Natal deste ano (ver aqui), se a Leopoldina, se a Popota. E parece que a resposta a esta minha dúvida existencial é esta:




Pois é, parece que a Popota veio para ficar. E não é que o raio do bicho ainda se vai vangloriar para a música, dizendo "é a Popota e está no Continente!", que é como quem diz "embrulha, passarola amarela, que isto agora é tudo meu!", tudo isto enquanto dá ao rabo como se não houvesse amanhã.
E o que raio aconteceu à Leopoldina? Apanhou gripe das aves e morreu? Migrou para sul? Foi servida com molhinho de tomate e batatas ao jantar para o Belmiro de Azevedo? Ou a cabeça rejeitou o corpo da Lara Croft que lhe foi enxertado a martelo e o animal deu o seu último pio implorando por uma morte rápida e indolor? O povo exige saber!

Enfim, de qualquer das formas, será caso para dizer adeus Mundo Encantado dos Brinquedos e olá cover da cover da lambada com hipopótamas coloridas e oferecidas.

4 comentários:

Bolacha disse...

Sinto que a minha infância chegou oficialmente ao fim. Vou só ali chorar um bocadinho...

Metacrítico disse...

Estou solidário contigo, Bolacha. Até eu, que já não tenho praticamente inocência nenhuma, sinto que perco um pouco da minha alma de cada vez que vejo estes anúncios "aos brinquedos" do Continente.

Herético disse...

"Este ano a Popota está um bocado Poputa" :)

Metacrítico disse...

lol Infelizmente não é só este ano, não. ;)