sábado, 20 de novembro de 2010

Será mesmo que mais vale tarde que nunca?

Então o Sr. Papa foi há não sei quanto tempo para África estragar o trabalho exaustivo de prevenção da propagação da SIDA naquele continente ao proferir algumas barbaridades aos seus crentes, para agora vir contradizer-se e dizer que afinal até se pode usar o preservativo "em certos casos"? (ver notícia)

Em que ficamos, Sr. Papa?

2 comentários:

T disse...

A culpa é de Deus que nunca se decide com estas questões.

Metacrítico disse...

LOL Bem mandada, sim senhor! =P