sábado, 21 de setembro de 2013

Coisas que descambam


Mal sabia eu que o jantar com a equipa de trabalho, onde se comeu e bebeu bem e onde se riu tanto que saí de lá com cãibras na cara, iria culminar comigo no meio da betolândia a aturar um bêbado que não conheço de lado nenhum e que resolveu terminar a noite a apalpar-me.



5 comentários:

Elsa TR disse...

Há finais de noite épicos e depois há finais de noite "épicos" :D

Erre disse...

Não o diria melhor. Agora vou só voltar para a minha posição fetal no canto do quarto. =)

Elsa TR disse...

XD

Deixa lá, valeu pelo jantar :) eu quando saio já nem 3 copinhos de sangria aguento, daí nunca ter finais de noite épicos (nem com nem sem aspas)

Cayero disse...

Adorei o: “...onde se comeu e bebeu bem e onde se riu tanto que saí de lá com cãibras na cara...”

Um abraço

Erre disse...

Também foi a minha parte favorita, principalmente se tivermos em conta o resto. =)